As primeiras do dia

Lídia Moura, que até dias atrás foi secretária do prefeito Luciano Cartaxo, diz logo mais, à imprensa, que está apoiando a pré-candidatura de João Azevedo. O anúncio acontecerá às 10 horas, na sede do PSB, localizada à Avenida CoremasC 350.

**

Engraçada a enquete do Click PB. Toda vez que João Azevedo ultrapassa Lucélio Cartaxo, acontece um fenômeno e um dedo misterioso reverte a vantagem em favor do irmão do prefeito. Desse jeito, não tem jeito que dê jeito.

**
E a Paraíba continua saindo no Fantástico. A bola da vez foi a Operação Cartola, aquela que envolve a Federação Paraibana de Futebol e clubes paraibanos em ações pouco recomendáveis.

**

O Açude Velho de Princesa sangrou. Uma pena que a água não tenha serventia. É que prefeitos irresponsáveis despejaram no velho açude as fossas e esgotos da cidade.

**

Quero ver Boqueirão sangrando. Tinha gente apostando na seca do Boqueirão para faturar votos. Caiu do cavalo quem apostou nisso.

**

De Sousa mandam dizer que Engenheiro Avidos está enchendo.

**

Hervásio Bezerra dá conta das chuvas em Bananeiras. Segundo ele, a chuva do final de semana foi tão forte que o canal da cidade transbordou.

**

Quem dá notícia de Trocolli Júnior?

**

Em entrevista a Gutemberg Cardoso, o senador Zé Maranhão confirmou que não foi convidado para a reunião das oposições. Ele revelou que sabia da reunião, mas o senador Cássio teria lhe informado que ela, a reunião, não iria acontecer. Aconteceu. E isso deixou Zé desgostoso.

**

Falta de consideração, de respeito à história de Zé.

**

Mas ele, que já levou dedada na venta, esperava o que?

**

Sucesso total o encontro das mulheres do PSB com João Azevedo e Veneziano Vital do Rego, sábado, em Patos.

**

Ligia Feliciano vai falar, garante o marido dela. O PB Agora informa que ela anunciará sua disposição de disputar o Governo.

**

E Ramos Lucena foi mais um a nos deixar. A fila tá andando. Quem é a senha da vez?

**

O povo da imprensa anda muito morredor.

**

De uma lapada só foram embora Nelma Figueiredo, Fernando Sapé e Ramos Lucena.

**

E eu vou tomar meu remédio, que não sou besta.

14 Comentário On As primeiras do dia

  • Viva o BOTAFOGO – PB !

  • Acorda Aldeones Abrantes !
    …o Botafogo e FPF é Fantástico !

  • Essa aí apoia quem lhe oferecer qualquer cargo público. A cara da política paraibana. Não acrescenta nada a candidatura de João.

  • Tião, venho aqui também informar aos leitores diários desse “Boiga” que o açude Cachoeira dos Alves em Itaporanga também sangrou. A sangria aconteceu na madrugada deste sábado, 14 de abril. O local tem recebido a visita de toda a população e já se transformou em um novo “point” turístico.

  • O Aécio “incorporou” o estilo do Marun. A Folha de SP, hoje, publica artigo dele no qual se diz um “ingênuo” que cometeu alguns erros.
    Segundo ele, as acusações da PGR contra ele por corrupção passiva e tentativa de obstrução “são desprovidas de fundamento”.
    Ele rasga elogios ao primo Frederico, o Fred da gravação da JBS, aquele que seria morto antes que falasse, e, obviamente, jura que
    é inocente. Enfim, repetiu o modo como o Marun age em relação às denúncias contra o Temer. O Brasil se tornou o país dos
    caras de pau!

  • DO DCM:
    Ocupação do triplex pelo MTST é legítima porque força a discussão: quem é o dono? Por Joaquim de Carvalho
    16 de abril de 2018

    O processo em que Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão produz uma das maiores aberrações jurídicas de que se tem notícia. O Tribunal Regional Federal da 4a. Região aceitou como válida a decisão de Sergio Moro de atribuir a propriedade do imóvel a Lula.

    Como lembrou o processualista Afrânio Silva Jardim, em artigo publicado, não existe no Código Civil o conceito de atribuição de propriedade. Ou ela pertence a alguém, ou não pertence. E o que define se pertence ou não é a escritura de compra e venda, com registro do cartório de imóveis.

    Não fosse assim, um juiz poderia atribuir a você a propriedade de um automóvel apenas porque você foi à concessionária e fez um test drive. Ou poderia atribuir a outro a casa onde você mora, que está em seu nome, com registro em cartório.

    O triplex no Guarujá, preparado pela OAS para ser entregue a Lula, foi rejeitado por este, conforme fica claro pelos testemunhas e pelas demais evidências, como a ida dele ao local apenas uma vez, para ver o apartamento e concluir que não interessava a ele.

    Dona Marisa, que tinha uma cota do condomínio onde está o triplex, foi mais uma vez, mas também não quis ficar com o apartamento. E entrou na justiça para reaver o que havia pago como cota do condomínio, comprada quando as obras ainda estavam em andamento.

    Depois da construção, a OAS colocou o imóvel para garantir dívida. Lula teria que ser o chefe de quadrilha mais burro da história da humanidade se aceitasse como propina um bem que poderia lhe ser tomado a qualquer momento, para garantir débitos da OAS.

    Se a OAS era laranja de Lula, como insinua Moro em sua sentença, o ex-presidente ou seus familiares deveriam pelo menos usufruir de um bem do qual tinha a propriedade dissimulada. Mas nenhum Lula da Silva ou pessoa indicada por eles passou uma noite sequer no local. Ou uma tarde, ou uma amanhã. Nada.

    Por isso, faz todo sentido a ocupação do triplex realizada há pouco pelo MTST e o Povo Sem Medo. “Se é do Lula, é nosso”, diz uma das faixas colocadas na varanda. “Se não é, por que prendeu?”

    O triplex não é uma questão de propriedade civil, é objeto de uma disputa política em que se envolveu um setor do Judiciário.

    A ocupação no início da manhã desta segunda-feira, 16 de abril. Militantes do MTST se colocaram em frente ao condomínio e alguns entraram. Mas a maior parte ficou na calçada, cantando refrães como:

    “O Povo sem Medo chegou”, “Pisa ligeiro, pisa ligeiro, se não pode com a formiga, não pisa no formigueiro”. Diziam ainda: “Se é do Lula, é nosso, a-há, u-hu”. Pessoas que passavam pela avenida, onde estavam homens e mulheres, com bandeiras vermelhas, ouviam:

    “Repatriar o poder popular”.

    A prisão de Lula, consequência de um processo contestado por mais de 100 juristas, produz efeitos que vão muito além da carceragem da Polícia Federal em Curitiba e de suas imediações. O gigante, efetivamente, pode estar acordando.

  • Viva o Belo, o maior da paraíba.

  • A reportagem sobre o futebol paraibano mostrada no Fantástico da Globo parece até uma reportagem feita sob encomenda contra o Belo, os responsáveis pela reportagem não viram os jogos em que o Belo foi prejudicado pela arbitragem, o que o Belo tem a ver com o jogo entre CSP x Nacional? A imparcialidade na imprensa acabou, se vcs pensam que vai acabar com o Belo? Estão muito enganado.

  • É muito engraçado, é engraçado mesmo, toda safadeza, por ventura existir no futebol paraibano, se resume apenas em 3 partidas? E todas elas tem o Belo envolvido? Segundo a reportagem. O Botafogo foi bicampeão conquistado dentro de campo.

  • E quem mulesta é Lídia Moura?

  • E o dinheiro dos Fundos Partidário e Eleitoral serve para isso mesmo, fazer politicagem. Para OS POLÍTICOS o dinheiro está esborrotando. é dinheiro demais.

  • Lídia Moura ? Quem danado é !
    Não é Lígia Feliciano, não ?

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Em respeito à justiça eleitoral os comentários estão temporariamente desativados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles