Miguezim de Princesa

(Homenagem às mães)

I
Quando Jesus transformou
Na festa a água em vinho,
Não fez aquilo sozinho,
Pois Maria o encorajou.
Na hora que ela mandou
Jesus o milagre obrar,
Ele estava a matutar
E ela inspirou confiança:
A mão que embala a criança
Diz e indica o caminhar.

 

II
Quando mataram Jesus,
No horto crucificado,
Os homens, acovardados,
Correram longe da luz,
Sua mãe, ao pé da cruz,
Passou o dia a chorar,
Madalena ficou lá
Secando as lágrimas com a trança:
A mão que embala a criança
Diz e indica o caminhar.

 

III
A mãe traz dentro o segredo
E faz a revelação
Da obra da criação,
Afasta do filho o medo,
Na falange do seu dedo
Tem uma luz a iluminar,
Ensinando onde chegar
No porto da esperança:
A mão que embala a criança
Diz e indica o caminhar.

 

IV
A mão da mãe é um molde
Onde a criança é firmada,
Nela se sente amparada
E sente mesmo que pode.,
O fogo da vida explode
No primeiro engatinhar
Com a mãe a ensinar
Os passos da eterna andança:
A mão que embala a criança
Diz e indica o caminhar.

 




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias