Conhecida licurga de nossas lides confessa que está há dois anos sem coisar.

 

Deve ser por isso que anda dando tiro na lua e subindo pelas paredes.

**

Amigo de Campina contou-me que sua última experiência sexual fora da Serra da Borborema foi com famosa socialite de João Pessoa.

 

Segundo ele, a moça é insaciável.

**

Dois anos sem coisar é muito queijo.

**

Sem  o discurso da defasagem salarial, ficou difícil para aquela “lide” continuar brilhando nas portas dos quartéis.

 

Agora só resta arrumar os troços e ir chorar no ombro do primo.

**

O filho daquele prefeito brejeiro, preso e processado por estelionato, já está solto e foi visto passeando de quadriciclo com o pai em coiorida praia do litoral norte.

 

Com direito a self e outras modernidades.

**

Quer dizer que Lula não pode, mas Moreira Franco pode? Isso é o que pode se chamar decisão jurídica isenta e imparcial.

 

Na era Temer tudo pode.

**

Vocês lembram do tempo em que a Polícia fazia greve? Eu lembro como se fosse hoje.

 

Mas tem gente se fazendo de esquecido.

**

Guerra de saias na Câmara. Sandra Marrocos é contra a leitura de trecho bíblico no comecinho das sessões e Eliza Virginia, que é crente fervorosa, insiste nisso, garantindo que se trata de cumprir o regimento.

 

Sandra não tem fé.

**

Manchete do Clicpb: “Deputado vai coletar assinaturas para criação da CPI do Fio Preto”.

 

Viuge!

**

Depois virá a CPI do Fio Terra.

**

E a do exame da goma.

**

Agora é oficial: Senado diz sim às vaquejadas e pronto, não se fala mais nisso.

**

Nem oposição, nem Governo, bancada do PMDB na Assembléia pode ficar na base “nem lá, nem lô”.

**

Neste sábado, já sabe, vá encher o cu de cana na Baratona.

**

O único bloco carnavalesco de João Pessoa que não cobra entrada, não exige fantasia e ainda disponibiliza o cata bebo para transportar os que arriarem no meio do caminho.

**

O ponto de partida da folia da Baratona é a barraca do Maguila, em Cabo Branco.

**

O procurador Vladimir Romaniuc mandou avisar a Marcos Pires que vai baratonar.

**

Eu também tô querendo.

**

O jornalista Zé Duarte, solteiríssimo, é o galã mais cobiçado de Princesa.

**

As meninas fazem fila querendo o título de primeira dama da bela mansão da Pedra do Urubu.

**

Marçal Lima Junior avisando que vai passar o carnaval em Areia e de lá vai esticar até Bananeiras.

**

Falar nisso, carnaval de Bananeiras está prometendo.

**

Mais do que isso, só dois disso.

**

O senador Maranhão esnobou o deputado Veneziano. Ignorou completamente o pedido protocolado pelo ex-cabeludo, para que houvesse a reunião do PMDB, e informou, naquele seu jeitão superior, que haverá reunião depois do carnaval a pedido de Nabor Vanderley e de Roberto Paulino.

**

Vené, no entanto, aguenta firme e não sai do PMDB só pra matar Zé Maranhão do bofe.

**

Mais tarde tem mais.

 




Comentários realizados

  • 15/02/2017 às 18:31

    Angela Lima

    A frase: "mantenha a língua no palato" foi, segundo o Dr. Eugênio Aragão (ex-ministro da justiça) dita pelo Dr. Rodrigo Janot ao próprio Dr. Eugênio. Eu me equivoquei quando atribui tal frase ao Pastor Silas Malafaia.

  • 15/02/2017 às 12:13

    Ybson Malaquias

    Divertidíssima a leitura do seu blog, estimado Tião. Acompanho religiosamente a cada manhã suas publicações neste inestimável veículo de informação e assim fico em dia com as notícias de toda a nossa Paraíba e do mundo!

  • 15/02/2017 às 10:56

    Angela Lima

    Parece que a oposição está perdendo a noção de vez. O discurso do deputado Jutay Menezes agora de manhã na ALPB foi muito mais demonstração de insensatez,do que qualquer outra coisa. Teria feito melhor se tivesse ficado de boca fechada! Ou como diz aquele pastor Malafaia: manter a língua no palato! O governador está fazendo o impossível para administrar; mantendo os salários em dia, fazendo obras importantes, concedendo aumento no meio de uma crise profunda, e aí aparece alguém como esse deputado? Me poupe, sr.deputado! Que tal nas próximas eleições tentar ser deputado no RJ?

  • 15/02/2017 às 10:45

    josenildo

    Fé demais não cheira bem, estes ditos cristãos neo pentecostais são um atraso para a humanidade.

  • 15/02/2017 às 10:39

    Angela Lima

    Em nome da Democracia, da igualdade entre as religiões, e do direito igual para todos, a CMJP deveria, então, permitir que na abertura das sessões haja alternadamente uma breve "cerimônia" representativa de cada religião. A fé está acima de qualquer religião; seja católica, evangélica, espírita, budista, hindu, de origem africana, ou qualquer outra. Haveria também um dia destinado aos ateus, sem qualquer cerimonia.

  • 15/02/2017 às 10:02

    Urso de Armando

    Sandra não tem fé é o caralho. Cada um que tenha sua fé em casa. O Estado é Laico! Queria ver se fosse alguma prática religiosa afrodescendente se permitiriam. Esse país é desrespeitoso em todas as instâncias! É uma pena que alguém ainda se preste a distorcer a lei em prol da defesa de valores pessoais.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias

Quer dizer que, além dos fatos já relatados e escandalizados sobre as obras da Lagoa do Parque Solon de Lucena, ainda existem outros desconhecidos da opinião pública?... Ler mais

 Um colega me contou que viu num grupo de zap zap um advogado revoltado com os veículos de comunicação que estavam divulgando a citação feita por Rodrigo Janot... Ler mais

O São João de Bananeiras foi sucesso de público e de animação. Durante quatro noites, a cidade viveu um verdadeiro burburinho. Lotou tudo, do hotel mais rico... Ler mais