A adutora que levará água para Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco, também levará para Barra de São Miguel, na Paraíba e essa água não será tirada do açude de Boqueirão, como se noticiou.O secretário João Azevedo explicou que a cota de água que será retirada do Rio Paraíba , alvo de termo de cooperação a ser firmado na manhã desta sexta-feira entre os Governos de Pernambuco e da Paraíba, será a que vem de Pernambuco e será utilizada logo após sua passagem por Monteiro, não atingindo em nada o volume de água do açude que abastece Campina Grande e municípios vizinhos.

O Governo da Paraíba, segundo João, pediu uma contrapartida e esta se dará com a passagem da água por Barra de São Miguel, que passará a ser abastecida com água do São Francisco, como já acontece com Princesa Isabel, abastecida com a mesma água através da Adutora do Pajeú. Para tanto, o Estado construirá naquela cidade uma estação de tratamento.João lembra que tudo isso está sendo feito com a aprovação do Ministério da Integração.

Para o secretário João Azevedo, a boataria propagada durante o dia por alguns portais “é mais uma polêmica que se tenta levantar em cima de um assunto que não leva qualquer risco para Campina.”

Ouça as explicações do secretário João Azevedo.

 




Comentários realizados

  • 14/01/2018 às 07:13

    Eugenio Pacelli

    Se eu entendi o argumento acima a transposição é só pra servir a Campina Grande? O resto que se lasque prá lá?

  • 11/01/2018 às 22:53

    Myrtes Isabel

    Mas diminui, visto que essa agua retirada iria correr pra Boqueirao. Tiao, voce e cabra sabido, essa agua Campina e quem pagara nas contas, cidade pequena nao arca nao.

    Resposta de Tião

    Que conversa, mulher, não tem hidrometrono rio

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias