O site O Antagonista traz hoje uma matéria narrando a delação premiada de Ricardo Saud, ex-diretor da JBS, na qual ele afirma ter entregado ao ex-deputado e atual vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, uma propina de R$ 100 mil, seguindo orientação do ex-deputado Eduardo Cunha. Junior e outros deputados foram comprados para votar em Eduardo Cunha para presidente da Câmara. Veja a matéria e, logo abaixo, leia as declarações do delator.

A política como ela é
Brasil 09.10.17 19:15  
________________________________________
Antes de ter seu acordo rompido pela PGR, Ricardo Saud entregou informações complementares sobre o esquema de compra de deputados para eleger Eduardo Cunha presidente da Câmara.
Embasada em documentos, a narrativa do ex-diretor da JBS é a síntese de um modelo de política que continua em execução pelo governo Temer.


 




Comentários realizados

  • 10/10/2017 às 17:57

    José Jackson, Serra Branca - PB

    Quem votar em Luciano Cartaxo para governador, vai ferrar João Pessoa.

  • 10/10/2017 às 12:02

    chico de lá de trás

    Quero parabenizar a maioria dos eleitores Pessoense pela vergonhosa escolha nas ultimas eleições. O Prefeito e o Vice, ambos acusados pelo MPF de desvios de recursos públicos! Fatos que há pelo menos uma década não se ouvia mais por aqui. pela terrinha! Vamos repetir a dose agora para GOVERNADOR!

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias