Quando Ricardo Coutinho terminou o seu discurso, hoje, durante a inauguração do Centro Administrativo Gervásio Bonavides Maia,da Assembléia, um circunstante não aguentou e bradou, para todo mundo ouvir:

- Isso é uma aula de gestão pública em forma de declaração de amor a João Pessoa”.

E foi.

O governador falou diante do prefeito da Capital e dos seus secretários, de deputados, de representante do judiciário e do ministério público, de jornalistas, de funcionários da Assembléia e de gente do povo,mostrando que o feito de Gervásio, aproveitando o espaço do Parahyba Palace Hotel e valorizando o pátio construído por ele, quando prefeito da Capital, representava o resgate de um espaço destinado a reunião do povo para seus momentos culturais. “Este espaço é de muita importância. Tive a oportunidade como prefeito de fazer a reforma dessa praça [Ponto de Cem Réis], tiramos aquelas coisas do meio e deixamos um espaço de confluência para reunião de grandes aglomerados, e a Assembleia vir para cá, um lugar construído por João Pessoa e concluído e inaugurado por Antenor Navarro, só posso agradecer muito ao presidente Gervásio Maia, por ter olhado pela revitalização do Centro Histórico. Hoje estamos dando um grande passo”, destacou.

A iniciativa de Gervásio, segundo disse o governador, “mostra que as coisas na Paraíba estão andando não apenas no Executivo. No meio de uma crise dessa, um poder como o Legislativo melhorando seus serviços, revitalizando o parque histórico, melhorando as condições de atendimento e de trabalho, resolvendo e diminuindo recursos que eram gasto com alugueis”, salientou.

E que ele, Ricardo, como filho de Jaguaribe, agradecia particularmente ao presidente da Assembléia por essse feito. Lembrou que, quando prefeito, preocupou-se também em fazer esse resgate, citando as praças Aristides Lobo e Pedro Américo, além do Teatro Santa Roza, que reformou já como governador do estado.

Ricardo lembrou que no período em que esteve prefeito, fez o shopping do Varadouro e reformou os shoppings de Passagem e 4.400, deixando o centro da cidade livre para o passeio da população.

Anunciou a inauguração de mais de 20 escolas só na Capital, com o uso exclusivo de recursos próprios, afirmando que “esse governo não precisa ir a Brasília pedir dinheiro para construir escolas”.

Declarou seu amor a Capital, demonstrado pelas obras do Trevo das Mangabeiras, do Viaduto do Geisel e do Parque Parahyba.

“Com esse Governo, o dinheiro apareceu”, disse Ricardo.E fechou o seu discurso, garantindo: “Nesse Governo, não tem publicidade, só realidade”.

 




Comentários realizados

  • 10/08/2017 às 20:49

    H.Romeu Pinto

    O prefeito atual devia era cuidar da cidade, as calçadas totalmente ocupadas por camelos, não temos nem espaço para andar, temos de andar pela rua....é uma vergonha esse descaso, ruas esburacadas, Estação Ciência jogada às traças e sem manutenção - para depois dizer que foi erro de projeto e culpa do governo anterior, é um terremoto que passa em nossa cidade...

  • 10/08/2017 às 06:11

    João

    Engraçada era a cara de Luciano e do Mané.

  • 10/08/2017 às 02:05

    luciano

    É maior governador de todos os tempos eu que acompanho toda sua trajetória política,nao tem pra ninguem e deixem o mago trabalhar a paraiba ti agradeçe tu és a cara de Joao Pessoa e hoje és exemplo para o Brasil como gestor,dá-lhe Ricardo.

  • 10/08/2017 às 01:44

    Pedro

    Tudo o que eu falar aquí, é muito pouco para a quantidade de obras que Ricardo tanto prefeito como governador fez e vem fazendo por João Pessoa e a Paraíba. Ricardo honra a classe política tão desgastada.

  • 09/08/2017 às 23:02

    Marconildo Gondim Levino

    Melhor governador da paraiba de todos os tempos!

  • 09/08/2017 às 22:20

    Nery

    Com Ricardo Coutinho, só existe uma crise: _______________________________ A DE RISO!!!! Simbora meu governador!

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias