O radialista Antonio Malvino é dono de muitos janeiros. A prova está aí na foto. Em 1973 ele já era radialista, claro,mais magro, costeletas postas, lorde que só um principe inglês, com a gravata combinando com a toalha da mesa, mas tinindo de novo. Foi nessa época, arrisca Johnsim Abrantes, que ele descabaçou metade da rua do Chabocão, criando, a partir desse ato, o famoso cabaré de Maria Oião.

Brincadeira a parte, o bravo Malvino cobre uma solenidade da Universidade Federal de Sousa, vendo-se na mesa,entre outros, o saudoso Antonio Mariz e o ainda forte e destemido Eilzo Nogueira Matos.

 




Comentários realizados

  • 02/05/2017 às 11:04

    Johnson Abrantes - advogado

    Este evento foi uma solenidade de colação de grau da Faculdade de Direito de Sousa, que à época era mantida pela Fundação de Ensino Superior de Sousa, Órgão vinculado ao Município. Posteriormente foi reconhecida pelo MEC e incorporada a UFPB, hoje UFCG. Na foto Antonio Mariz( Deputado Federal), Eilzo Matos( Deputado Estadual), prof. Martinho Queiroga Salgado( Diretor da Faculdade), Johnson Abrantes(vice-prefeito de Sousa), Dr. Nias Gadelha(Deputado Estadual) e Antonio Quirino de Moura(professor). O locutor é Antônio Malvino.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias

 A cidade de João Pessoa, amores de Gonzaga Rodrigues, guarda um pedaço do ontem que faz o visitante que pisa no seu chão sentir-se transportado ao passado, personagem de um... Ler mais