A presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, está avaliando se convoca uma sessão extraordinária da corte para determinar a prisão de Michel Temer e do senador Aécio Neves (PSDB-MG).

Temer foi flagrado num ato explícito de obstrução judicial ao pedir propina à JBS para comprar o silêncio de Eduardo Cunha, que foi o protagonista do golpe e hoje está condenado a 15 anos de prisão.

Aécio, além de pedir e receber propina de R$ 2 milhões, disse que o dinheiro teria que ser entregue por alguém que eles pudessem matar, antes de se tornar delator.

Segundo a Globo, Aécio foi flagrado como um "mafioso".

Recentemente, o ex-senador Delcídio Amaral foi preso por muito menos, acusado de tentar comprar o silêncio de Nestor Cerveró.

Golpe dos corruptos contra a presidente honesta desmorona.

 




Comentários realizados

  • 18/05/2017 às 09:14

    Marcos.

    A operação Lava Jato não era apenas para acabar com o PT? Cadeia para todos os envolvidos, independente do partido.

  • 18/05/2017 às 09:13

    hendrik

    se fosse lula/dilma, tava na cadeia na hora. mas como é pmdb e psdb, o "pau" bate devagar, que francisco não é chico e tem de ser tratado com luvas de pelica.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*

Outras Notícias

  1 – A palavra arte está muito deturpada nesses tempos modernosos.Qualquer bosta vira arte na ótica dos entendidos. Ora é uma prastada de tinta numa parede, ora... Ler mais