Porque hoje é sábado

1 – Estou lendo, com algum atraso, confesso, o delicioso “Histórias da Gente” de Rubens Nóbrega. Ele, o livro, traz um mói de lembranças do velho Rubão do seu tempo de Bananeiras, menino/garoto/rapaz, os  jogos de pelada e de futebol de salão, o escandaloso jogo de vôlei no qual as moças do Cabo Branco ganharam a torcida masculina do lugar ao se apresentarem de shortinhos colados, mostrando as protuberâncias, enquanto as jogadoras locais vestiam calças compridas e, achando pouco, saiotes cobrindo as calças, enfim, uma degustação para fim de semana nenhum botar defeito.

2 – O pessoense vai pagar passagem de ônibus mais cara a partir de domingo. O prefeito Luciano Cartaxo bem que disse: Ele mesmo faz, não recebe ordens de terceiros.

3 – Cuidado com esses restaurantes ditos finos. Eles não estão livres de suspeita. Por causa de um desses, estou há três dias num hospital curando um infecção intestinal que degringolou numa crise séria de diverticulite.

4 – Jair Bolsonaro agora escolhe auxiliares pelo critério de amizade e ainda faz pouco da imprensa. É um presidente do peito.

5 – Mas como hoje é sábado, deixemos para lá, vamos aproveitar o final de semana e salgar o insosso nas águas cálidas do Cabo Branco, comendo aquele peixinho assado na brasa e bebendo uma legítima brahma da antárctica estupidamente gelada.

6- Isso, claro, para quem pode, porque quem não pode, se sacode, feito eu. Segundo o doutor que me atende, eu tenho que passar, no mínimo dos mínimos, um ano sem ver um copo nem de longe.

7 – Julian Lemos vive a implorar um minuto de atenção do governador João Azevedo. Fazia isso no tempo de Ricardo e agora repete a dose. Homem, Carlos Bolsonaro te basta!

8 – Ricardo Coutinho limpou o centro da cidade. Tirou os camelôs, colocou todos eles em locais decentes, arrumou as calçadas e devolveu-as aos pedestres. O atual prefeito deixou a coisa ficar esculhambada de novo e agora está sendo intimado a corrigir sua omissão.

9 – E a porca vai torcer o rabo, porque as lideranças dos camelôs prometem resistir, insistir e não fugir da raia. Se bem que muitos camelôs que estão nas ruas trabalham para bem postos ex-camelôs com boxes no Shopping Terceirão e para comerciantes que vêm de Pernambuco vender bugigangas nas ruas de João Pessoa sem pagar imposto.

10 – Atenção deputados derrotados nas eleições passadas: O prefeito Romero Rodrigues admite reforma administrativa na Prefeitura para acomodá-los. Por favor, façam fila.

11 –  E agora lá se vão meus abraços sabadais para Patricia Ayres, Vilmar Fernandes, Patricia Coutinho, Polianna Lima, Sérgio de Castro Pinto, Ju Souza, Vavá da Luz, Antonio Vicente Filho, Ana Maria Gomes, Rita Lopes, Joseley Lira, Fátima Moura, Dária Sousa, Terezinha Maraiano, Beildo Elias, Rena Bezerra, Veronica Ferreira, Tereza Cristina, Kleber Salgado, Vera Costa, Cicero Geneton, Tiago Pontes, Thais Régis, Jair Santos, Delano Campos, Durval Lira, Giovanna Mayer, Marcos Ramalho, Ceição Arruda, Socorro Medeiros, Rilva Martins, Rodrigo Cristiana, Paulo Freire, Deise Gomes, Vall Franca, Leila Oliveira, Adalberto Targino, Kézia Castor, Maria Lucena Lopes, João Gaudêncio, Flaviano Quinto, Lurdes Maia, Pedro Macedo, Fátima Ventura e Gloria Guimarães.

12 – Duri-Duri, Jorge Bonga e Miguezim Lucena bebiam uma papuda no Geisel, algum tempo atrás e, na falta de tira-gosto, capturaram um cágado que pastava na caixa d`água. Começaram a querer matar o bicho, mas cadê que ele botava a cabeça de fora! Por mais que tentassem, nada. Até que  Duri-Duri, com jeito, passou o dedo no fiofó do bicho e ele,todo lânguido, espichou o pescoço com ares de paixão. Foi uma cacetada e lá se foi o cágado para a panela. Jorge quís saber onde Duri-Duri aprendeu essa técnica e ele, ancho, revelou:

-Aprendi no tempo em que me mandaram colocar a gravata no pescoço de Castelo Branco.

 

 

 

10 Comentário On Porque hoje é sábado

  • Um grande abraço amigo.

    Por: Antonino Pinguim

  • Um ano sem poder tomar uma, é foda. Como e que um médico faz um negócio desse!!! Bom dia e rápida recuperação. Valmir Lopes, um campinense que mora em natal.

  • Tião, tu tens uma obsessão por Bolsonaro!!!!
    O cara só tem doze dias que tá no comando. Deixa o Capitão trabalhar! !!!! Xaulin…..

  • Um ano sem tomar uma lapada. E agora? O que Sebastião vai inventar para passar o tempo? E dona Cacilda o que diz?

  • Não confundir paixão com desvario,. “Diagnosticada” em, aproximadamente, 39% dos eleitores
    em outubro de 2918.

  • Ontem foi entregue mais um Troféu Ferrou Lula/Dilma, na categoria “serviços prestados”.
    O agraciado recebeu como prêmio um cargo no Gabinete de Segurança Institucional.

  • Tião deixa de besteiras, macho veio, o Bolsonaro será o nosso presidente até 2022, pelo menos está mostrando que ladrão e corruptos tem em todos os lados.

  • Embora eu não acredite nem um pouco, aí vai:

    Do blog do Esmael Morais:

    Lava jato pode prender ex-presidentes após recesso do judiciário, diz Cappelli
    12 de janeiro de 2019 por Esmael Morais

    O jornalista Ricardo Cappelli afirma que a lava jato prepara um “combo”, no retorno do recesso, cujo objetivo seria prender ex-presidentes da República.

    “Com o fim do recesso judiciário a Lava Jato e suas ramificações devem voltar a operar com força máxima. Alcançaram seus objetivos e vão refluir? Não creio. Uma nova leva de prisões “espetaculares” não seria surpresa. Circulam boatos de que pode acontecer um “combo”, com outros ex-presidentes presos de uma só vez”, escreve Cappelli.

    O articulista não declina quais ex-presidentes iriam fazer companhia a Lula, em Curitiba, mas de antemão especula-se em Brasília que seriam os ex-presidentes José Sarney, Fernando Collor de Mello e Michel Temer.

  • saúde, tião, abraços.

Deixe uma resposta to Antonino Pinguim Cancelar Resposta

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste