Paulino denuncia boicote do MDB ao seu nome e suspende campanha para o Senado

Sem dinheiro e enfrentando  boicote dentro do próprio partido, o candidato a senador pelo MDB, Roberto Paulino, decidiu suspender sua campanha ao Senado por um período de 48 horas.

Paulino denunciou que enfrenta boicote dentro do MDB e considera que sua candidatura “incomoda muita gente”.

Sua decisão foi anunciada como sendo uma parada para resolver problemas burocráticos, mas sabe-se que desde o início ele não recebe o mesmo tratamento dispensado ao candidato a governador, que tem dinheiro partidário para tocar a campanha, enquanto a ele, Roberto Paulino, são negados pão e água.

“Estão querendo me usar para ser um batedor de esteira para o MDB e para o PR. Estou sendo boicotado dentro do meu próprio partido. Peço desculpas aos meus amigos, mas tenho que cuidar de burocracias internas dentro do partido’, revelou.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Em respeito à justiça eleitoral os comentários estão temporariamente desativados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles