As primeiras do dia

O senador Zé Maranhão foi bastante assediado ontem em Brasília por setores que defendem a retirada da sua candidatura para apoiar a de Luciano Cartaxo, em troca de um cargo de ministro do Governo Temer.Mas o veím mandou dizer, através do seu assessor Diego Amaranto, que não abre mão da candidatura de jeito nenhum. E acunhou: “Minha candidatura é irrevogável. Jamais participaria de uma barganha contra uma candidatura que é a vontade da maioria do povo paraibano”.

**

Isso significa o seguinte: O Governo Temer adotou a possível candidatura do prefeito Luciano Cartaxo. A partir de agora, quando se anunciar candidato, Cartaxo terá que dizer: “Sou o candidato do Presidente Temer.”

**

Quer dizer que vão trocar o  Z pelo D?

**

Viuge!

**

Desse jeito, não tem jeito que dê jeito.

**

Do prefeito Romero Rodrigues ao sempre antenado Arimatéia Souza: “Tem gente que tem uma arrogância de tamanha dimensão que não consegue ser só soldado. Eu posso ser soldado, não tem dificuldade nenhuma”.

**

Viuge de novo!

**

Quem seria o arrogante? Quem seria o general? Quem não quer ser só soldado?

**

Essas dúvidas me agoniam.

**

Eu perco o sono e até fico sem dormir.

**

Viuge outra vez!

**

E os agentes da Polícia Federal secando as canelas em busca de diligências naqueles dois inquéritos que envolvem o senador.

**

Um deles já tem 12 anos. Daqui a pouco faz festa de debutante.

**

Com direito a valsa e tudo o mais.

**

Bado Venâncio teve sentença por improbidade administrativa confirmada pelo STJ.

**

Depois de amanhã Doutor Aloysio Pereira comemora 95 anos.

**

Patrimônio de Princesa e da Paraíba.

**

Filho do inesquecível José Pereira, o homem que em 30 fez a Paraíba tremer.

**

Eita que as muriçocas tão cagôta serena!

**

E Beijinha agora quer entender de segurança.

**

Choveu forte em Princesa. A água escorreu pelo calçamento e amoleceu a terra.

**

Bateu saudade.

2 Comentário On As primeiras do dia

  • Tião meu fi, uma pergunta que não quer calar: Pergunte ao Senador Maranhão se ele não pudesse voltar mais a ser Senador como no caso do Prefeito se o mesmo teria coragem de se candidatar. Será que o veinho teria coragem. Pois com um passarinho na mão ele teria coragem de ficar com dois voando, arriscando perder o da mão.

  • Eu acho que Romero disse isso foi com Ricardo Coutinho!! Ele não abre mão de ser governador e ainda quer que a pessoa que venha a substitui-lo, receba suas ordens!! Que tu acha Tião?

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste