As primeiras do dia

Quer dizer que a Lula foi negado o direito líquido e certo e ir ao enterro do irmão, sob o argumento de não haver tempo hábil para montar a logística de leva-lo ao cemitério e trazê-lo de volta à prisão?

**

E isso foi dito de madrugada, na calada das trevas, depois de mais de 24 horas de moído, de empurra/empurra, de vai tu, tu vai.

**

A lei mais uma vez foi jogada no lixo e de novo as chamadas autoridades fizeram escárnio da cara do povo.

**

Que logística é essa que impediu a realização de um ato humanitário? Será que nos transformamos num estado fora da lei?

**

A defesa de Lula pediu a liberação com base no artigo 120 da Lei de Execução Penal, que fala que “os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semi-aberto e os presos provisórios poderão obter permissão para sair do estabelecimento, mediante escolta, quando ocorrer falecimento ou doença grave do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão”.

**

Mas aí apareceu a tal da logística, depois de um moído grande, e botou a lei na lata do lixo, como vem sendo feito desde a prisão do ex-presidente, condenado sem provas e mantido preso como se fosse um peçonhento perigoso que deve ser escondido das vistas do povo para evitar contaminação.

**

Isso é simplesmente nojento.

**

Viva o General Mourão, um poço de lucidez nesse amontoado de loucuras. No exercício da Presidência, reconheceu o direito do ex-presidente se despedir do irmão morto. E citou seu próprio exemplo, que também perdeu um irmão e conhece de perto o quanto dói.

**

O carro do lixo está demorando a recolher o dito cujo nas ruas da cidade e a população sente o cheiro de podre que exala dos dejetos  depositados nos tambores.

**

Isso na hora do almoço é uma delícia.

**

Tira o apetite e o povo faz regime.

**

Tem coisa melhor?

**

Inté.

16 Comentário On As primeiras do dia

  • Essa gente poderia perceber que mais cedo ou mais tarde, a JUSTIÇA, eu disse JUSTIÇA, será feita.
    O soberano sabe de tudo. Esperem.

  • O lugar de Lulalá é na cadeia e não pode ter a regalia de ir a velório outra coisa, o carro do lixo passa todo dia na minha rua as 21:00 horas .

    • Joca, como você é estúpido! A lei de execução penal não foi elaborada para o caso A, B ou C, mas para acompanhar o cumprimento das penas. E esta lei assegura o que pretende o ex presidente: assistir ao sepultamento de um irmão.

    • o lugar de aécio “coca” neves é no congresso e pode ter todas as regalias outra coisa, a “justissa” contra fraco é valente. contra colarinho branco e farda, é uma quenga

  • Tião vc sabe como bom jornalista e advogado que a logística para este caso requer planejamento com a mobilização de um amparado policial grande envolvendo homens e veículos e vc sabe quanto isso custaria aos cofres públicos? e vc sabe quem vai pagar a conta é Eu vc e o povo e outra amigo Tião tira este ranço do seu coração vc é contra Bolsonaro é um direito seu afinal estamos em um país de livre expressão mas vc está partindo para o lado pessoal e deixando a sua história de bom e exemplar jornalista indo ralo abaixo um detalhe Tião antes tinha falecido dois irmãos do ex presidente Lula e o mesmo não foi nem no velórios e nem nos sepultamentos e porque agora quis ir estas informações é que tem que ser levadas aos seus internautas no mais um forte abraço da colônia paraibana aqui em Rondônia

    • Primeiro, você erra ao dizer que eu atribui a Bolsonaro a não liberação de Lula. Ele não foi liberado pela justiça.

    • Alexandre Araújo, você apenas ressoa o cinismo do ministro Moro ao vetar a pretensão líquida e certa do ex presidente. Digo Moro porque a Polícia Federal está sob sua jurisdição e tanto esta quanto a vara de execução penal de Curitiba agem sob sua tutela. Você lembra do avião da Polícia Federal na Bolívia esperando àquele italiano e que este foi direto para Roma? E assim o avião voltou “batendo” como dizemos lá no sertão? Cadê a questão do prejuízo ao erário?

  • NÃO ADIANTA TIÃO, DISCUTIR COM O FANÁTICO. ESSA TAL DE JOCA É UM DERROTADO, PARA DERROTADO O MELHOR REMEDIO É O DESPREZO😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀😀.

  • Esse Joca, pode está se escondendo por trás de um pseudônimo, mas mostra que não conhece a lei, o que queremos é o respeito a lei e nada mais.

  • ACREDITO QUE QUANDO LULA MORRER VAI SER PROIBIDO DE SER ENTERRADO!!
    O MEDO DE MORO É TÃO GRANDE QUE VÃO FAZER UMA SEPULTURA NA CADEIA.

  • Enquanto o Brasil enxergar Lula como o unico corrupto, nada melhorará por aqui. Acho isso escandaloso, acho certo Lula pagar pelo que fez, mas ele não é o unico.

  • EIta que Lula tá cheio de viuvinhas apaixonadas, cheias de amor pra dar!!!! A começar de tu, Tião!!!! Peguem um avião, moçoilas apaixonadas, e vão dormir com Lulinha no xilindró!!!! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    • So vou quando vc soltar a bolsa de bosta do teu mito

    • diz osvaldinho que as 11:59 dizia que não tinha bandido de estimação e as 00:00 baba ovo e defende governo de investigados e que tem até condenado. tem muita moral, o osvaldinho, vulgo fiscal de cú e que acreditou em mamadeira de pica. osvaldinho é intelijente d+ genteeeeeee

  • Muita maldade envolvida nesta perseguição ao LULA. Gente graúda zombando da nossa cara e a “justissa” nem aí

  • Ao ser Airton Calado se é este o seu nome não preciso de me esconder sou um paraibano de Campina Grande radicado em Rondônia há exatamente 33 anos e minha opinião foi sobre o fato logística que seria empregada não sou político mas amo a política e sou funcionário público federal concursado dai não preciso ficar lambendo as botas de político com cargo a exemplo certamente de vc que está chupando o ovo desses políticos podres dai para receber migalhas

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles