As primeiras do dia

Houve, na Paraíba, um caso semelhante ao do deputado/pastor Marco Feliciano no quesito dentadura. Por aqui a esposa de um deputado fez um tratamento dentário e a conta, de 14 mil reais, foi paga pela Casa Civil do Governo do Estado. Só que o de Feliciano foi bem mais caro: 157 mil reais.

**

O deputado deve ter substituído a dentadura nativa por dentes de marfins importados da áfrica e tirados de elefantes escolhidos a dedo.Ao redor dos dentes, adornos de ouro e diamantes cravejados na frente só para brilhar na hora que ele abrir a boca num sorriso colgate.

**

O pessoense foi às praias nesta segunda-feira esperando ver de perto o tsunami anunciado pelos profetas da tragédia, mas encontrou só um ventinho gostoso a embalar seus devaneios etílicos. Tsunami na Paraíba é estória de trancoso, aquela que entra no furico do pinto e sai no olho do pato.

**

Belíssima a abertura do Caminhos do Frio em Bananeiras. O prefeito Douglas Lucena não cabia em si de felicidade.

**

Gutemberg Cardoso retornou de Bananeiras às primeiras da segunda, ao lado da amada e do carro novo.

**

Lucélio Cartaxo agradeceu as orações e mensagens enviadas por amigos durante o seu internamento no Hospital das Clínicas. Pelas redes sociais.

**

Vou ver de perto a Nova Bica. Quero ver o que foi feito lá além da entrada bonita.

**

O Bozo tá com a gota serena!

**

Soltou a língua de vez.

**

Agosto sem feriados imprensados? Gostei não.

**

Marcos Pires está apaixonado pela Monga.

**

Palloci vai cumprir o resto da pena em liberdade.

**

O prêmio pela delação sem provas.

**

Prefeito Ricardo Pereira dando show de administração e ensinando: “não roubando, o dinheiro dá”.

**

E eu vou naná.

9 Comentário On As primeiras do dia

  • Esse tal de Marcos, o Feliciano, o homem de Deus, o “representante do povo”, agora com essa boca rica é qui late, viu?

  • A dentadura do deputado até quebra para a gente suportar. Pior é se inventarem de comprar um cérebro para Bolsonaro.

  • O governo “probo” do Bozo gastou mais de três milhões com o cartão corporativo em apenas seis meses. Aí eu pergunto a vocês: tem quem aguente um negócio desse?

  • Tião, a saúde da câmara dos deputados federais, custaram aos cofres públicos nos últimos seis meses, 96 milhões, mais uma vergonha, a reforma dá previdência tem que ser aprovada se não o país vai para. Kkkkkkkkkkk

  • A FARRA TÁ GRANDE…

    1.O custo do tratamento estético dentário do deputado/pastor Feliciano explica por que
    a Câmara Federal, só nos 7 meses do ano de 2019, já gastou com tratamento de
    saúde de parlamentares e funcionários mais que o total gasto durante todo o ano de
    2018.

    2. Por outro lado, as despesas com os cartões corporativos, de uso exclusivo do poder
    executivo, está indo às nuvens. O teto para gasto mensal é de 33 mil. mas desde janeiro
    de 2019 atinge valores que chegam a mais de 60 mil. Levando-se em conta que tudo
    relacionado com alimentação já é comprado via licitação ( presidência e vice),
    e não com cartão corporativo, a farra com o cartão corporativo deve estar relacionada
    com outros “mimos”.

  • A manobra do Bolsonaro na anulação do acordo secreto com o Paraguai não
    convenceu, e pode não ter sido suficiente para salvar o mandato do presidente
    paraguaio Mario Abdo Benítez.
    Começa nesta terça-feira o processo de impeachment do presidente e do
    vice paraguaio.
    A imprensa paraguaia divulgou imagens que provam que o presidente
    paraguaio mentiu quando afirmou não participou de todos os “detalhes” das
    negociações do acordo secreto.

  • Eita PETRALHADA sofredora. Essa agonia vermelha ainda vai perdurar por mais, no mínimo, 8 primaveras. LULA engaiolado, as viúvas chorando e o PEIDO “avoando”. E viva a Festa das Neves. Viva Monga e viva o Gran Bartolo Circo. Viva o Cancão totalmente urbanizado. Viva Princesa Isabel. Viva MORO e viva o MITO !!!!

  • Por que será que o autor da “obra dentária” fechou a conta dele no Facebook?

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste