Entre Samuka e Mofi, continuo preferindo Adelton e Todynho | Blog do Tião Lucena

Entre Samuka e Mofi, continuo preferindo Adelton e Todynho

Um leitor pede para eu analisar as estreias de Samuka e Diego Lima na Arapuan e de Mofi e Bruno Pereira na Correio.

De início disse a ele que não me sentia qualificado para tamanha missão.

Mas como o jovem insistiu, vai aqui uma pequena pincelada.

Não escutei os programas por inteiro. Ouvi um tiquinho aqui e outro ali.

Sintonizei na Arapuan e encontrei o mesmo Samuka de sempre, falando, chamando a atenção e dando seu showzinho particular, desta vez devidamente assessorado por um Diego Lima muito bem informado, porém com uma voz arrastada que não me agradou. Ele tem que ser como sempre foi.

Na Correio não aguentei muito tempo em razão do estrelismo de Mofi.

Na ânsia de provar que é o âncora do programa, mal deixava Bruno Pereira falar.

E entre os dois eu sou mais Bruno.

Em razão do exposto, mudei para os velhos e sempre bons Adelton Alves e Edmilson Pereira na 89 FM de Ruy Dantas.

Entre os três programas, esse de Adelton e de Todynho continua sendo o melhor.

10 Comentário On Entre Samuka e Mofi, continuo preferindo Adelton e Todynho

  • Edmundo dos Santos Costa

    ENTRE QUALQUER DELES PREFIRO NENHUM DELES, VOU FICAR OUVIDO, QUANDO POSSO, O INOXIDÁVEL ERALDO LUIS OU VENDO O VELHO PAULO ROBERTO FLORÊNCIO NA TV ITARARÉ.

  • Boa! Eu sabia que a sua síntese é imprescindível pra gente que acompanha a imprensa, em especial, o meio radiofônico. Valeu, meu amigo Tião.

  • Nenhum aí vale nada, é um pelo outro sem volta.

  • Todos os citados são uma verdadeira lástima. O que nos deixa contente é saber que a magia do rádio já passou e faz tempo. Ouvir esses “coitados” que são muito fúteis, além de papagaios que apenas falam o que mandam seus patrões, é uma tremenda falta do que fazer.
    Volto a dizer que ainda bem que o tempo do rádio passou. 🙏🙏🙏🙏

  • Gosto do Wellington e tony show

  • Concordo, Tião. O programa de Adelton Alves e Edmilson Pereira é o melhor, entre os três citados. O problema desse programa é que o Todynho é um reacionário assumido, me incomodo ao ouvir as opiniões desse tipo de gente.

  • Prefiro Adelton e Todynho

  • QUALQUER COISA É A MESMA COISA. CONTEÚDO É CONFORME ENCOMENDA DE QUEM DÁ MAIS: A informação verdadeira é o que temos de menos. O PROBLEMA É A COMPLICADA DEPENDENCIA DE GRANDES SISTEMAS DE PODER POLÍTICO QUE SE SUCEDEM NA BASE DO CONTROLE ABSOLUTO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL. É uma questão de sobrevivência profissional que rege a atuação. Esconder notícia é a regra geral, sempre ao estilo Ricupero de faturar a transparência das aparências. Afinal, o todinho das crianças é mais importante do que tudo – Sikera ou não queira.

  • TODOS SOBREVIVENTES DO FIO DA NAVALHA DA COMUNICAÇÃO SOCIAL PARAIBANA. Nunca ouvi falar num radialista dono de rádio ou televisão. Os dilemas dos diletos são permanentes e diários. O importante é o Toddynho das crianças. Porém, não vale a pena dar xeque mate na decência e na realidade dos fatos. Apesar da doutrina Ricupero.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.