Flavio Moreira abandonou o PSB em 2018 para não votar em João Azevedo

O advogado Flávio Moreira, que tem se apresentado como secretário do PSB na Paraíba e deitado falação sobre a autenticidade de uma lista de filiados que pediram desfliação da legenda, pediu para sair do PSB em 28 de agosto de 2018. E fez mais: na mesma data trocou João Azevedo por José Maranhão, sendo nomeado pelo então candidato do MDB como o coordenador da sua campanha ao Governo do Estado.

Em entrevista prestada ao insuspeito Heron Cid, à época, Moreira justificava o voto em Zé Maranhão alegando que “João não era Ricardo”: “Flávio alegou primeiro que vai se dedicar à vida profissional na advogacia e o fim de um ciclo e pregou a renovação política como necessária. Deixou claro que votaria em Ricardo Coutinho, mas ressaltou: João não é Ricardo. Moreira dise “não” ao que chama de “suposta continuidade”.

O candidato de Flávio Moreira, como é sabido, não logrou exito. Ficou em terceiro lugar, perdendo inclusive para o novato Lucélio Cartaxo, enquanto o João que ele considerava “suposta continuidade” foi eleito no primeiro turno, graças ao apoio incontestável do então governador Ricardo Coutinho.

Relembre as despedidas de Moreira do PSB:

1 Comentário On Flavio Moreira abandonou o PSB em 2018 para não votar em João Azevedo

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste