Gato por lebre

Quem passou pelo Retão de Manaíra na tarde desta terça-feira, viu o quilométrico engarrafamento que se formou nas proximidades do Shopping. Pessoas vindas de todos os quadrantes da cidade procuravam o Manaíra para comprar coisas baratas.

O saldão do Manaíra, porém, trouxe certas surpresas.

Minha amiga Goreti veio de ônibus comprar a mercadoria que ela avistara por 160 reais no último domingo, certa de que, com os descontos anunciados, compraria mais barato.

Ledo engano. A mercadoria que Goreti queria sofreu um desconto pra cima. Em vez dos 160 do domingo, estava custando 250. Ela ainda protestou, mas a vendedora, coitada, sem culpa de nada, dirigiu-lhe um olhar desconfiado e foi se esconder no provador de roupas.

Mas o que eu queria dizer era outra coisa. Essas promoções de araque já fazem parte do folclore comercial da cidade. O que impressiona é a fome por comprar do povo.

Todo mundo liso, ou se dizendo liso, mas basta aparecer uma promoção, um descontão ou um queima comercial para a turma correr, fazer fila, se matar e se esgoelar.

Os lojistas do Manaíra fizeram a festa hoje. Venderam o que tinham e o que não tinham e tiveram lucros.

Avaliando o que aconteceu com minha amiga Goreti e partindo do principio de que o acontecido não foi uma exceção, mas uma regra,  acho que muito nêgo tirou a barriga do atraso e vendeu pelo resto do ano.

Acho que ali dentro só o lojista Chico Pinto, o homem dos colchões, não deu na goela do freguês.

4 Comentário On Gato por lebre

  • Ledo engano é esta liquidação, passei hoje a tarde com minha filha e a minha esposa visitando as lojas que estavam fazendo parte da liquidação, o que vi foi que os preços de determinados objetos, roupas, artigos de cama e mesa, sapatos, etc, os preços foram aumentados para proporcionarem os descontos anunciados nas portas das lojas, agora com desconto mesmo só tinha peças, acessórios e calçados que já estavam no estoque há muito e muito tempo e todos fora de moda.

  • E onde tá o os órgãos de defesa do consumidor! Deveriam tá atuando a BUDEGA DA ESQUINA POR VENDER PIRULITO VENCIDO!

  • cicero de lima e sousa

    Eu não vou em conversa de 171. Vocês vão?

  • Não são só as lojas do Manaíra Shopping, não. O Extra tem usado a mesma estratégia, e o povo é
    enganado porque gosta. No mês passado houve uma “promoção” de alguns eletrodomésticos,
    dentre eles: eu pesquisei o preço da pipoqueira. O artigo custava um preço X, na semana seguinte
    aumentou mais de 50%, e duas semanas após a tal promoção estava muito mais barata que os
    preços da promoção. Aí sim, estava bem barata.
    Não adianta correr prá comprar em promoção, o melhor é ir antes pesquisar os preços, comparar
    depois com a tal promoção, e voltar para comprar muitos dias depois quando os comerciantes
    realmente estão correndo atrás de renovar os estoques.

    O quê eu não entendo é por que o PROCON ainda não atuou tais logistas por propaganda enganosa.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste