Gervásio vai à tréplica

Do deputado  Gervásio Maia  o blog recebeu  a  seguinte  nota:

“NOTA

Mais uma vez fui chamado a reestabelecer a verdade ao povo paraibano. Começo falando sobre o extrato bancário divulgado na imprensa na última sexta-feira. De fato, encontramos um saldo aplicado no Banco do Brasil, recurso oriundo das gestões dos ex-presidentes Arthur Cunha Lima e Ricardo Marcelo, e que só poderia ser utilizado, exclusivamente, para obras e investimentos, pois era carimbado no orçamento para tal. Portanto, não poderia ter sido utilizado para pagamentos dos inúmeros débitos que encontrei ao assumir.

Destaco, ainda, que no início da nossa gestão renegociamos vários contratos com as empresas terceirizadas que prestavam serviços à Casa, resultando em uma grande economia, citando apenas um deles, suficiente para garantir todos os investimentos com a estruturação e modernização da casa realizados na nossa gestão.

Com relação ao processo de contratação executado pela outra gestão para reforma do prédio do antigo Paraiban, na avenida Epitácio Pessoa (à época orçado em mais de R$ 30 milhões de reais), houve suspensão de sua tramitação através de medida cautelar do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba. Depois disso a gestão anterior resolveu devolver o referido prédio ao Governo do Estado.

Diante da devolução do prédio e de problemas estruturais seríssimos, como esgotos estourando dentro da Casa, salas adaptadas em antigos banheiros, descumprimento de normas de segurança no tocante à prevenção de incêndios (com recomendação dos órgãos fiscalizadores para solução do problema), nenhum tipo de acessibilidade e com a reivindicação de vários setores pela permanência do Legislativo no Centro Histórico, decidimos utilizar o recurso aplicado para investimentos em compra de imóvel, construção, reformas e modernização de praticamente todos os setores da Casa, e assim o fizemos.

Com pouco tempo, respeito ao dinheiro público e necessidades urgentes, buscamos soluções para garantir um ambiente digno de trabalho aos servidores, o pleno acesso do povo ao Parlamento, a preservação do comércio local e da história do Poder Legislativo na Praça dos Três Poderes.

Jamais critiquei ou olhei para gestões anteriores. Busquei honrar os compromissos atrasados sem qualquer tipo de crítica na imprensa ou na Tribuna. A Paraíba não merecia esse tipo de debate. Busquei superar os desafios com respeito e trabalho, mesmo em momento de crise e redução no orçamento.

Desejo fortemente que a Paraíba se una por debates maiores, pelo povo e por suas necessidades.

Sigo trabalhando pelo bem e pelo povo da Paraíba.

Respeitosamente,
Gervásio Maia”

 

 

3 Comentário On Gervásio vai à tréplica

  • Na Época, ja mencionavam os analista políticos , a saida de Gervasio do PMDB, por pura vaidades dos seus donos
    trará grandes perdas ao Partido, tá aí mostrando um político que honra a tradição da sua família, que tem compromisso ao
    assumir posições políticas partidárias.
    Parabéns, Deputado!
    Tabem acho que o tema dos debates devem mudar de foco!

  • Quando um sucedeu o outro, não havia essa intriga. Depois do racha partidário, tudo mudou.

  • Tomé e Bebé.
    Seis e meia dúzia.
    Tanto faz como tanto fez.
    Dois…

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste