Mostrando desajuste familiar ingrato filho de Aluízio Régis “primeiro cavaleiro” do Conde chama o pai de DECADENTE e deixa Governo da mulher em maus lençóis | Blog do Tião Lucena

Mostrando desajuste familiar ingrato filho de Aluízio Régis “primeiro cavaleiro” do Conde chama o pai de DECADENTE e deixa Governo da mulher em maus lençóis


 

 

MARCOS MAIVADO MARINHO 

Verificando o arrojado trabalho de uma patrol do Governo do Estado cedida ao vereador Cassol pelo DER, com intermediação do deputado estadual Branco Mendes, cortando terras na zona rural do Conde e tapando buracos em ruas da orla de Jacumã, Carapibus e Tabatinga, o ex-prefeito Aluízio Régis fez questão de gravar um depoimento no meio da rua parabenizando o edil e indo além: avisando que por conta dessa ajuda do deputado ao Conde o mesmo deverá contar com o seu apoio nas eleições futuras.

O vídeo de Aluízio foi postado nas suas redes sociais e isso foi o suficiente para causar uma revolução na casa de Karla Pimentel, a nora que ele praticamente elegeu prefeita com o seu reconhecido prestígio e capital político e sem os quais ela jamais chegaria a tanto.

A fala do sogro não somente ‘descabelou’ a prefeita como motivou um acesso de ira incontrolável no seu marido-chefe de gabinete, Hermann, o filho mimado de Aluízio que não titubeou em chamar o genitor de decadente e literalmente cuspir na cara dele, ou seja, no cocho onde sempre se alimentou.

Na realidade, o rasga-rasga tem uma única motivação: ciúmes.

Eduardo Cassol, amigo antigo de Aluízio e ex-secretário de Turismo em uma das suas gestões como prefeito do Conde, foi apoiado na campanha pelo deputado Branco Mendes, que tem base na vizinha Alhandra e pretensões no Conde, e dele tem agora recebido ajuda para o desempenho do seu mandato de vereador.

Branco tem livre trânsito junto ao governador João Azevedo e começou a abrir portas para o Conde, atendendo às demandas apresentadas por Cassol.

O deputado que apoiou Karla é Eduardo Carneiro, com praticamente zero prestígio junto ao Governo do Estado e obviamente não deve se sentir confortável com o trabalho de Cassol e Branco Mendes.

Enquanto Branco opera e a população agradece, Carneiro pede cargos e indica auxiliares de Karla, como fez agora nomeando a nova secretária de Saúde.

O vereador Eduardo Cassol, passando ao largo das futricas da casa dos Régis, disse à reportagem d’APALAVRA que o seu “novo olhar” para o Conde é o trabalho e somente só.


Postagem de Aluízio que motivou a ciumeira do filho e da nora

– “Eu tenho um acordo com a prefeita, desde o ano passado. Ela sabia que eu iria votar em Branco. Ele me ajudou muito na campanha e não posso ser diferente nem ingrato”, explicou Cassol.

DESRESPEITO AO PAI

O “Carnaval fora de´ época” na casa da prefeita, chutando o sogro para a sarjeta da história, encontrou em Hermann o maior algoz. O filho ingrato além de chamar o pai de DECADENTE, usando a linguagem chula da mais podre periferia, atesta que Aluízio Régis “já foi um dia” uma grande liderança da cidade.

Nas ruas o comentário é um só no Conde: se com Aluízio, que botou a nora para governar dando-lhe um mandato de mão beijada, a coisa já estava de vaca desconhecer bezerro, agora o caldo engrossou e quem vai sofrer muito mais é o coitado do eleitor que acreditou nas falsas promessas de uma família ingrata e desajustada.

Fonte: Da Redação

 

 

 

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.