Na base do salve-se quem puder: Sob pressão de militares, Bolsonaro tenta deixar Flávio sozinho com crise

Camila Rodrigues da Silva, do UOL
Setores militares estão pressionando o governo Jair Bolsonaro (PSL) a deixar o filho mais velho do presidente, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), sozinho para explicar o cada vez mais nebuloso caso envolvendo seu ex-assessor Fabrício Queiroz. Existe um consenso entre oficiais das três Forças Armadas de que Flávio não foi convincente até aqui nas explicações sobre as operações financeiras envolvendo imóveis no Rio e as movimentações atípicas de valores seus e de seu ex-assessor. O que os apoiadores do governo não sabem dizer ainda é se a tática será eficaz.
O imbróglio do primogênito de Jair também está se aproximando de milícias do Rio de Janeiro, tornando a crise ainda mais grave. Entenda as suspeitas sobre Flávio e Queiroz.
E na Venezuela, os militares afirmaram não reconhecer o presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, como presidente do país. A declaração foi feita pelo ministro da Defesa, Vladimir Patrino, sem mencionar o nome do opositor: ele afirmou que as Forças Armadas não aceitarão “um presidente imposto à sombra de interesses obscuros nem autoproclamado à margem da lei”.
A tensão no nosso vizinho ao Norte entra em seu 3º dia e, no início desta madrugada, Caracas viveu mais uma noite violenta. Pneus queimados e bloqueios de manifestantes encapuzados foram vistos em vários pontos da capital. Segundo dados da ONG Observatório Venezuelano de Conflitividade Social houve 14 mortos desde o início dos protestos, na noite de 22 de janeiro.
Sobre a posição do Brasil de apoiar o golpe da oposição (ou a tentativa de “novo governo”), o colunista Matias Spektor aponta as falhas de depender apenas de Guaidó para superar a crise na Venezuela.

1 Comentário On Na base do salve-se quem puder: Sob pressão de militares, Bolsonaro tenta deixar Flávio sozinho com crise

  • Edmundo dos Santos Costa

    CHEGARÁ O MOMENTO EM QUE SEUS “COLEGAS” DE FARDA TAMBÉM O ABANDONARÃO, QUANDO A POPULAÇÃO PASSAR A PERCEBER OS VERDADEIROS OBJETIVOS DO CARRASCO E PARA QUAM ELE TRABALHA.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste