Nilvan faz apologia da violência e dá vivas ao jornalista que agrediu a Glenn Greenwald

O radialista paraibano Nilvan Ferreira se empolgou demais ao comentar sobre o caso da briga entre o jornalista Augusto Nunes e o diretor e jornalista do The Intercept Brasil Glenn Greenwald. O embate, que terminou com uma agressão de Nunes contra o americano, aconteceu durante o programa Pânico, na Rádio Jovem Pan, na tarde desta quinta-feira (07).

“Viva Augusto Nunes”, afirmou Nilvan. Que tratou o caso com deboche e ria ao comentar sobre o assunto.

Ele ainda ameaçou um companheiro de bancada e outros políticos que “fossem para cima” dele.

O apresentador também erra o sobrenome de Augusto, o chamando inicialmente de “Neves”, e erra o de Glenn Greenwald, o chamando de “Grinrróu”.

Ouça

7 Comentário On Nilvan faz apologia da violência e dá vivas ao jornalista que agrediu a Glenn Greenwald

  • Afiiiiii, mininus, isto é um programa de rádio ou uma discussão no cabaré, este senhor Nilvan a cada dia que passa estar se tornando um profissional ridículo, será que ele fez algum curso de ética e moral no jornalismo, sei não Cajazeiras ensinou a Paraíba a Ler e o Nilvan está ensinando o jornalismo paraibano a ser chacota e além do mais desafia todos que venham a destratá-lo que levaram socos e pontapés, tenha cuidado com as palavras não seu Nilvan, pois palavra tem poder.

  • Nilvan é um covarde, só é valente na frente de mulher (veja o caso Estela) amarelou para o professor. Se intitula jornalista sem ser, manchando toda a categoria.

  • Uma vergonha! Esse apresentador está perdendo a credibilidade, tem algumas pérolas. Lembro que esses dias foi muito duro com a Deputada Estela.

  • O episódio entre o jornalista Glenn Greenwald e o “jornalista” Augusto Nunes foi lamentável e revelador do caráter do agressor, péssimo caráter, além de vassalo dos governantes de plantão.
    Quanto a fala de Nilvan, NOTA ZERO.

  • UM ZÉ NINGUÉM QUERENDO PEGAR CARONA NA FAMA DE UM VERDADEIRO JORNALISTA,
    CONHECIDO, E PREMIADO.

  • Eu não sei se João Costa ainda faz parte do programa ,porque não escuto meu ouvido não é pinico,mas ainda comõe esse programa muito me admiro pois o João assume uma capa de moralista muito grande ,é lamentável se estiver numa patifaria desta.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste