Porque hoje é sábado

1 – Claro que o assunto mais importante no dia de hoje é o lançamento do meu livro na Fazenda de Vavá da Luz, no Ingá. A festa começa ao meio dia e não tem hora para terminar. E só participa dela quem comprar o livro, porque ninguém é besta de encher o bucho do cabra de feijoada, caipirinha, cachaça e uísque a troco de nada.

2 – Segundo Vavá, o anfitrião nota 10, a festa será um orgasmo de lançamento, eis que acontecerá ao ar livre, debaixo de um pé de oliveira, o mesmo pé usado por Jesus Cristo para mandar a sua mensagem de salvação.

3 – Mas não fica só nisso. Haverá caipirinha para 5.600 pessoas e  feijoada para 1.200 . A feijoada será cozinhada por um feijoadeiro trazido do Rio de Janeiro para preparar a famosa feijoada carioca.

4 – Serão usados na feijoada 122 pés de porco, 430 orelhas e algumas adjacências mais.

Além disso, será oferecido um cardápio alternativo à base de

 tripa e pé de porco, preá, iscas de salamanta, e outras iguarias do gênero ,  frutas da época e como novidade a “Caipirinha Suíça” a base de limão verde e aguardente de cabeça preparada na hora em máquina. especializada.

5 – O caldeirão da feijoada foi requisitado ao quartel do Grupamento de Engenharia, e ela, a feijoada, será feita como se faz pra soldado.

6 – Wanderléia Gadi e Geordim marido dela telefonaram avisando que já estão na estrada, seguindo pra Ingá. Atrás deles, já se avista João Camurça e Cicero Lima, Quinto de Santa Rita e Maurílio Batista e Pedro Macedo com a sua prole.

7 – Feliz por demais com a nomeação do procurador Lúcio Landim como interventor dos hospitais Dom José de Santa Rita e Regional de Mamanguape. Eficiente, na dele, cabra bom da gota serena, vai dar show e, claro, conta do recado.

8 – Fred Menezes escolhendo a data para o lançamento do meu livro em Monteiro. De logo já escolhido o dia: Uma sexta-feira, que é pra deixar os cachaceiros à vontade .

9 – O cerco está se fechando e logo , logo veremos nêgo na cadeia. E desta vez pra ficar por anos e anos curtindo aquela paisagem engradada, maravilhosa, solitária e repleta de recordações dos áureos tempos.

10 – Adriano no primeiro biênio, Hervásio no segundo, agora sim, vamos simbora sem olhar pra trás ou de banda.

11 – E agora lá se vão meus abraços sabadais para Nininha Lucena, Ricardo Pereira, Joelma Muniz, Kalina Andrelino, José Pereira Neto, Totonho de Fofa, Mundinho de Nezinho, Valdeban Medeiros, Fernando Pires, Newton Arnaud, Raimundo de Cláudio, Aécio Diniz, Manoel Paulino, Aluizio Bezerra, Ademar Nonato, Eilzo Nogueira Matos, Martinho Moreira Franco, Gonzaga Rodrigues, Zé Nunes, Antonio David Diniz,Frei Anastácio, Simão Almeida, Mário da Cruz e Maria Doida.

12 – Um ex-prefeito da cidade de Açu, no Rio Grande do Norte, foi a uma festa no clube local acompanhado da amante.

O presidente do clube, preocupado, chamou-o a um canto e ponderou:

-Prefeito, você poderia vir aqui com a sua senhora. Com uma mulher assim não dá. O senhor entende, não é?

E o prefeito, enfático:

-Meu caro presidente, o que vale não é a acompanhança e sim a comportança. E o resto é fokilore.

2 Comentário On Porque hoje é sábado

  • Eita, mandou abraço sabadal para Martinho Moreira Franco. Passou a raiva e agora Martinho volta ao blog todo sábado com sua coluna sobre arte para o deleite dos admiradores da sétima arte. Gostei imensamente. Grande Martinho !! 👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏

  • Caipirinha para 5.600 pessoas e feijoada para 1.200? Pelo visto, até os filhos dos convidados irão encher a cara…

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste