Primeira-dama visita Instituto dos Cegos e Lar da Providência

A primeira-dama Ana Maria Sales Lins visitou, nessa terça-feira (29), o Instituto dos Cegos Adalgisa Cunha e o Lar da Providência Carneiro da Cunha, em João Pessoa. Na ocasião, ela acompanhou as ações desenvolvidas nas instituições com os recursos disponibilizados pela gestão estadual, por meio do projeto Acolher e do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza no Estado da Paraíba (Funcep).

No Instituto dos Cegos, a primeira-dama foi recebida pelo presidente e pela vice-presidente da entidade, José Antônio Ferreira Freire e Valéria Cavalcante. O local atende cerca de 500 pessoas e é contemplado pelo Governo do Estado com recursos do Funcep. Apenas no ano passado, a gestão investiu cerca de R$ 250 mil na instituição.

Ana Maria Sales Lins conheceu as salas de atividade motora, de estimulação visual, de fonoaudiologia, de terapia ocupacional, de alfabetização, de impressão braille, de informática, de atendimento médico, de práticas integrativas e complementares, além do espaço da beleza.

Durante a visita, o presidente José Antônio enalteceu a iniciativa da primeira-dama de conhecer, já nos primeiros dias da gestão, as principais carências das entidades.

“Esse é um dia que vai ficar na história do nosso Instituto porque já vemos a preocupação do Governo Estadual, em tão pouco tempo, de conhecer os trabalhos que nós desenvolvemos e fiquei satisfeito de receber a garantia de que a parceria que nos ajudou a melhorar o atendimento aos usuários vai continuar”, destacou.

Para a primeira-dama, essa foi uma oportunidade de conhecer as principais demandas da instituição e de buscar fortalecê-la com o objetivo de melhorar o atendimento disponibilizado aos cidadãos.

“As atividades desenvolvidas no Instituto dos Cegos garantem mais autonomia a todas as pessoas que aqui são atendidas e fico feliz de poder comprovar que os recursos destinados à entidade estão sendo bem aplicados e o nosso compromisso é de continuar apostando em projetos que são revertidos em benefícios para a população”, ressaltou.

No Lar da Providência, a primeira-dama foi recepcionada pelas irmãs Maria do Rosário, Luciana de Sousa e Vitória Régia, responsáveis pela administração da entidade que abriga 84 idosos. Com recursos das quatro etapas do projeto Acolher, que somam mais de R$ 400 mil, o local disponibiliza hoje piscina e equipamentos para a realização de fisioterapia. Além disso, a parceria com o Governo do Estado também viabilizou a aquisição de alimentos e de eletrodomésticos.

Para a irmã Maria do Rosário, que administra o Lar da Providência, o projeto Acolher proporciona uma ajuda fundamental para a entidade. “Essa parceria nos auxilia na alimentação e na aquisição de materiais para melhorar a saúde e lazer dos idosos. Esse projeto nos dá a possibilidade de estender mais esse cuidado e o nosso trabalho, além de dar uma assistência maior ao nosso idoso”, assegurou.

Voluntária há 30 anos na instituição, Neli Meira falou da gratidão de poder ajudar na manutenção do Lar da Providência. “Sempre gostei muito de ajudar e atuo na parte de eventos para conseguir recursos para sustentar a entidade que oferece um serviço muito importante aos nossos idosos. As portas estão abertas para receber a colaboração de todos, disse.

A visita da primeira-dama foi acompanhada pela gerente executiva da Proteção Social Especial da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Humano (SEDH), Madalena Dias; da gerente de Convênios e Projetos da SEDH, Raianne Alves; e da assistente social, Flávia Freitas.

De acordo com Madalena Dias, o projeto Acolher tem garantido a qualidade nos serviços prestados pelas instituições de acolhimento de idosos. “Nós fizemos levantamentos dessas instituições e identificamos algumas fragilidades e, a partir disso, foram destinados recursos para elaboração de projetos que têm mudado a realidade desses locais e este ano já iniciaremos a quinta edição”, explicou.

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste