Travesti é presa e confessa que meteu a faca em Warley porque ele lhe passou um xexo

 A travesti Victória, acusada de esfaquear o ex-jogador da seleção brasileira Warley, foi presa na manhã desta terça-feira, 30, em Cabedelo, onde reside. Na delegacia de Roubos e Furtos, Victor Coelho, que é o nome oficial de Victória, contou que foi contratada para um programa de 30 minutos, no carro do ex-atleta, e custaria R$ 80.

Victória afirmou que o programa não foi concluído e Warley ficou chateado, mandando-a sair do carro sem pagar pelo serviço. Vitória se recusou a sair sem pagamento e houve luta entre eles. Durante a briga, eles saíram do carro e Vitória usou o punhal de Warley para se defender das agressões, atingindo-o duas vezes.

Ela saiu do local levando o celular como pagamento.

3 Comentário On Travesti é presa e confessa que meteu a faca em Warley porque ele lhe passou um xexo

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste