Do Blog de Neumane : Toffoli manda e Moraes cumpre a ordem para censurar revista Crusoé por ter publicado reportagem citando delação de empreiteiro corrupto que inclui presidente do STF no propinoduto da Odebrecht

O relator Alexandre de Moraes do inquérito aberto pelo presidente do STF, Dias Toffoli, para proteger seus pares e parentes e, a pretexto de identificar eventuais agressores nas redes sociais, intimidar críticos da instituição mais impopular da democracia no momento agravou essa impopularidade ao censurar a revista Crusoé do site O Antagonista. O pecado da revista foi contar que o empreiteiro e corrupto confesso Marcelo Odebrecht disse que o “amigo do amigo do meu pai” relacionado no propinoduto da empreiteira-corrupteira é o citado ex-advogado-geral da União e do PT. A censura foi decretada contra um abuso, que foi cometido pelos dois ministros aqui citados ao substituir o “cala boca nunca mais” pregado por Cármen Lúcia pelo “cala boca, gentalha” – nós. Direto ao Assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver o vídeo no YouTube clique aqui

2 Comentário On Do Blog de Neumane : Toffoli manda e Moraes cumpre a ordem para censurar revista Crusoé por ter publicado reportagem citando delação de empreiteiro corrupto que inclui presidente do STF no propinoduto da Odebrecht

  • Censura? Eu me recordo bem em 1964 existia muito, será que voltou?

  • Infelizmente outra morte na alça sudoeste em Campina Grande, até quando? A duplicação nada, políticos paraibanos tenham vergonha na cara, o ministro, assina duas ordens de serviço no mesmo dia, onde só João Pessoa como sempre é beneficiada? Campina nada, estamos de olho cana…….

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles