Veneziano é recompensado por sua fidelidade a João Azevedo e emplaca Gilson Lira no Turismo

Marcos Maivado Marinho 

Em recompensa à sua fidelidade pessoal a João Azevedo, ao não aceitar perfilar-se junto ao ex-governador Ricardo Coutinho no imbróglio que dividiu na Paraíba o PSB, o senador Veneziano Vital do Rego começou ontem a colher os frutos da ação e emplacou seu ex-secretário Gilson Lira como secretário Executivo do Turismo na vaga aberta por Ivan Burity, preso pela Polícia Federal na Operação Famintos.

Gilson de Andrade Lira foi diretor de Mercados Internacionais da Embratur, de 2014 a 2016, e Diretor de Inteligência Competitiva e Promoção Turística, de 2016 a 2019, tendo sido presidente substituto do órgão em algumas oportunidades.

Formado em Comunicação Social pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e pós-graduado em Marketing e Recursos Humanos, também pela UEPB, o novo assessor governamental recebeu certificação em Gestão Estratégica de Liderança – APG, Amana – Key; e como Master Coach pelas: Behavioral Coaching Institute – BCI; Institute of Coaching Research (ICR); European Coaching Association (ECA) e ACT Institute e Metaforum International.

Tem a sua carreira caracterizada por importantes resultados na gestão de projetos e pessoas. Foi contemplado com o “Prêmio Alta Gestão 2015” – Considerado o Oscar da alta gestão no Brasil, premiação destinada a personalidades do mundo corporativo, lideranças empresariais e diretores de instituições no Brasil.

Exerceu a coordenação dos livros: “Empreendedorismo”, “PNL nas Organizações” e “Bíblia do Coaching”, publicados pela Editora Leader – SP. Exerceu o cargo de Secretário de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Campina Grande, de 2007 a 2009 e de 2010 a 2012, tendo exercido a função, entre 2009 e 2010, de Secretário Executivo do Gabinete do Prefeito, nas gestões de Veneziano.

Gilson foi indicado para a Embratur no Governo Dilma Rouseff pelo então senador Vital do Rego Filho, à cota do MDB. No Governo Temer se manteve no cargo por sustentação política do substituto de Vital no Senado, Raimundo Lira. E continuou com Bolsonaro, mas foi demitido por conta das suas ligações com Veneziano, que faz oposição ao atual Governo.

Atualmente Gilson tinha cargo comissionado no gabinete de Veneziano, em Brasília.

 

2 Comentário On Veneziano é recompensado por sua fidelidade a João Azevedo e emplaca Gilson Lira no Turismo

Deixe uma resposta:

Seu endereço de e-mail não será mostrado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sliding Sidebar

Sobre Tião Lucena

Sobre Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá.

Social Profiles

teste